Skip to content
julho 5, 2009 / ASCOM

Derrubadas e preservações.

O elefante branco mais conhecido como “Cidade da Música” está lá paradinho, embargado, dado como uma obra irregular.
Enfim aos moradores da Zona Sul da Zona Oeste foi dado esse “presente” de despedida do então prefeito César Maia.
Até aí tudo bem, afinal nosso vereadores não fizeram nada para impedir tal orgia orçamentária. E moradores por sua vez prefiriram reclamar em sua rodinhas sociais em vez de agir.
Sei que todo o processo democrático que vivemos não possibilita ser tão simples assim uma participação verdadeira da população ao ponto de refletir numa mudança real no governo e suas decisões, mas o que não posso aceitar é que a classe pensante (um tanto em extinção) se cale perante a medidas interesseiras de alguns politicos.
Graças a Deus moramos num país que até esse domingo nos permite colocar em alto e bom som nossos pontos de vista.
Moradores do Recreio em especial conhecem o famoso Terreirão. Uma favela que está localizada na altura do Posto 12. Especialmente na Gilka Machado ao longo dos anos foram construídos na quadra da praia prédios irregulares. Até aí infelizmente temos inúmeras favelas no Rio de Janeiro em sua totalidade (para não falar de âmbito nacional) que estão com inúmeras construções irregulares, vide hoje no jornal O Extra um rapaz de 26 anos fazendo uma reforma na comunidade Gogó da Ema que morreu com um desabamento.
Enfim, moradores vem acompanhado as “derrubadas” dos prédios irregulares ou com perigo de desabamento. Não quero questionar o lado jurídico, o lado social e muito menos a real situação dos prédios.
Mas não posso me calar e questionar o porque do Sr. Prefeito Eduardo Paes está dando tanta atenção ao Terreirão? Na verdade na parte que compete ao posto 12? E a parte de trás que ainda tem casas de “madeira”? O Terreirão será colocado todo abaixo, haverá uma “limpeza” da área? Onde serão colocados essas pessoas? Virarão moradores de rua? E as outras inúmeras favelas e morros do Rio de Janeiro, serão estes também colocados abaixo sendo eles construções irregulares oriundas de invasões?
E a “Cidade da Música”? Ela será derrubada ou será “licitada” ou “vendida” para alguma empresa? Porque aquele elefante branco está ali no meio da Barra onde poderia ter feito uma obra de melhoria do trânsito que está ficando caótico na região?
Fica a questão: QUAL A INTENÇÃO DO NOSSO PREFEITO EM “LIMPAR” O TERREIRÃO E OUTRAS ÁREAS ESPECIFICAMENTE DA ZONA OESTE?

Anúncios

2 Comentários

Deixe um comentário
  1. amaury teixeira / ago 30 2009 12:10 pm

    fica claro aqui o interesse de grandes construtoras e especulacao imobiliaria nesta area do posto 12, como tambem o odio do nosso prefeito eleito contra pobres, querendo retiralos a todo custo ate mesmo desreipeitando o artigo 6 da nossa constituicao federal que defende o direito a moradia.
    o que escapa aos olhos de todos e que essas pessoas chegam aqui na sua grande maioria , antes mesmo de haver qualquer tipo de obras ou moradores no recreio.

    E muito simples, tudo isso na verdade e uma grande nuvem de fumaca a fim de encobrir a verdade diante dos nossos olhos.

    nao ha moradias para todos, entao para evitar da imprenssa falar no asunto o que eles fazem? derrubam predios irregulares.

    nao ha transporte para todos, e ai? vamos perseguir o transporte alternativo que da capa de jornal!!!

    o nivel do desemprego no rio bate recordes. entao vamos depressa dar porrada nos camelos, por que ai nossa midia imbecil vai falar da perseguicao aos camelos ao inveis da baixa oferta de emprego!

    Sabe gente nao sou politico mas so gostaria que o nosso prefeito( digo isso porque votei nele!) visse toda esta citacao com mais humanidade, e que fosse mais aberto ao dialogo.

    acho que ninguem aqui esta contra a ordem publica mas vamos deixar um pouquinho a arrogancia de lado e tentar compor com estes.

    que tal cadastrar todas as vans em condicoes de seguranca e legalisar ja que nosso sitema de transporte nao da mesmo conta! o resto pode apreender fazer oque quizer!

    vamos dar titulos de propriedades as construcoes que nao estiverem ocupando areas publicas ne oferecendo risco a populacao.aumentando assim a arrecadacao do iptu. o que estiver errado que derrubem!

    cadastrem todas as pessoas que querem trabalhar honestamente como camelos, desiguinem um espaco pra elas.

    enfim, falta sabedoria e humildade ao nosso prefeito e seu secretariado!!!

    muito obrigado por ler!

  2. Carolina de Andrade / nov 15 2009 9:23 pm

    obrigada por comentar!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: